domingo, janeiro 31, 2010

ASSIM VALE A PENA VOAR





> A companhia de aviação 'New Zealand Air' resolveu alterar o interior de alguns dos seus aviões, a fim de proporcionar o maior conforto aos seus clientes. Assim, vale a pena...

31 DE FALÊNCIA

> Vá, podem ir embora, os bimbos e actores do Porto. Foi muito lindo, mas não deu em nada. Ainda hoje não deu em nada. Não há nada para comemorar. Não se comemora o roubo sistémico aos portugueses que a República possibilitou nem se inventam ideais à última. Não é possível comemorar a usurpação da democracia, baseada no Direito e na Justiça, pela Maçonaria dos favores, das cunhas e das excepções. Não se comemora a libertinagem sanguinária da Carbonária. Não há nada para comemorar hoje, dia 31 de Janeiro. Ala para casa, bimbos! Não se comemoram os assassinatos politicos que advieram sucessivos à tosca republicanice instituída porque imposta como boa, sendo o que foi e ainda é: desastrosa, basta olhar para os jornais todos os dias e no como não dá em nada esses crimes político-económicos, uns após outros. Se quiserem comemorar a bancarrota da I República em ano de mais que certa bancarrota, tudo bem, façam favor, comemorem. Registamos a ironia de a República se comemorar em ano de Bancarrota, 2010. Sim, porque isto, desde há cem anos, tem sido um só rapar para «socialistas, laicos e republicanos», desastre ao descolonizar, avidez por ouro, dinheiro, marfim, decisões danosas. São eles, esses cromos estomacais, os novos ultra-frades mendicantes locupletando-se de fêmeas, de putos, quando ninguém está a ver, e das benesses do Regime e é graças a eles que hoje o Poder Socratino não olha rigorosamente a quaisquer subterfúgios nem estratagemas para se perpetuar, para se escudar dos seus próprios lixos e incompetências agressivas, para lançar uma nuvem de Merda Mediática que manobre com Mentira um povo iliterato e crédulo. A República está muito para além do roço ao crime. Nasceu do Crime e prossegue em conformidade. Para se perpetuarem, há pândega, vale tudo, é carnaval. Comemora-se a República de todos os desastres. Ninguém se incomoda. Não há vergonha na cara.

Joshua, in Palavrossavrvs Rex

COM O CU A ARDER

> O povo está farto.
O povo não gosta destes políticos que o aldraba há 30 anos.
O povo quer afastar esta gente.
O povo já pensa em monarquia.
E em resultado do descontentamento geral, assistimos aos políticos de topo quase em pânico e vêm agora, aproveitando o centenário da República, tentar criar um movimento de união. Uma união que nos dias de hoje será absolutamente impossível.
Cavaco Silva apelou a um "novo espírito de cidadania".
Mário Soares defende "consensos possíveis".
Jorge Sampaio diz que Portugal precisa de "grande unidade de propósitos".

Resumindo: estão com o cu a arder.

NA PROA DO BARCO PSD

> Há um ano, concretamente no dia 7 de Fevereiro de 2009, devia ter sido entregue às Juntas de Freguesia de executivo PSD, um livro comemorativo dos 50 anos de existência das referidas Freguesias. O autor do livro (leia-se, pessoa que convenceu os presidentes de Juntas de Freguesia/PSD) foi o conselheiro nacional do PSD, António Proa.
Passado um ano da comemoração da efeméride, o livro chegou às mãos do público, pelo menos à Junta de Freguesia de S. João de Brito.
De lamentar, que uma obra tão cara, seja apresentada com um grafismo básico e de baixo nível, e com um conteúdo editorial desinteressante e pouco rigoroso.
Por estas e outras é que cada vez mais os portugueses, especialmente os jovens, odeiam os políticos.
E assim, com a publicação do referido livro, se prova a veracidade de tudo o que foi escrito neste blogue sobre o comportamento pouco sério da Junta de Freguesia de Alvalade e outras Juntas de Freguesia afectas ao PSD, na adjudicação da publicação a António Proa, ex-presidente de uma secção e conselheiro nacional do PSD.

A MELHOR PRIMEIRA DO MÊS





> Estas foram as primeiras páginas que a redacção do JORNAL DO PAU achou as melhor deste mês de Janeiro.

BOCAS NA RUA

Deputados

- É pá, dez por cento dos deputados ainda não revelaram os seus rendimentos!

- Não é preciso, pá!... Basta revelarem-se a guiar os Mercedes, BMW e Porsches...

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (30)



PINTO NÃO SABE O QUE DIZ

> O presidente da TAP, Fernando Pinto, concedeu uma entrevista ao 'DN'. Para agradar ao governo de Sócrates ou para se manter no tacho. O homem apresentou um conjunto de inverdades e de teorias absolutamente já rebatidas pelos mais diversos especialistas. Mas, no que respeita ao aeroporto da Portela, Fernando Pinto mente com todo o descaramento ou, então, não sabe do que fala.

Entre as grandes obras anunciadas, o novo aeroporto é bom para a TAP?
É fundamental, porque na Portela não dá para crescer mais. No início, desconsiderei qualquer discussão sobre o novo aeroporto e até dizia "primeiro, vamos trabalhar neste, que precisa de ser ajustado a uma nova época da TAP". Agora, que chegámos a um número razoável de mangas para aviões de longo curso que permite distribuir o tráfego dos aviões de médio curso, a situação muda bastante. Houve uma concertação entre a TAP, a ANA, a Groundforce e o SEF que estabilizou o aeroporto, mas que também o deixou no limite. Quando precisarmos de uma pista ou de estacionamento para aviões, não há por onde crescer.

Isto, que Fernando Pinto diz não é sério, porque o aeroporto da Portela é gigantesco, comparado com milhares no mundo, e tem capacidade plena para servir Lisboa para mais 30 anos.

Avião a aterrar em Hong Kong pelo meio dos edifícios, o que acontecia de dois em dois minutos

Aconselhamos Fernando Pinto a ler a história do Aeroporto de Kai Tak, em Hong Kong...

ENQUANTO O PAU VAI E VEM FOLGAM AS COSTAS (3)

> O presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César, qualificou ontem como "completamente ridículos" alguns dos argumentos usados por Alberto João Jardim para justificar um aumento das transferências anuais para a Madeira, no âmbito das alterações à Lei das Finanças Regionais. Mais: César aconselha o líder madeirense a poupar mais nas despesas correntes.

JURO QUE NÃO FUI EU

> Há momentos, telefonaram-me a perguntar se eu andava a escrever editoriais no 'DN'. Jurei que não. E a pergunta tinha alguma lógica, porque o leitor atento deste blogue tinha acabado de ler o editorial de hoje do 'DN' e onde se lê a dado passo "(...) Além de uma divisão ainda maior dentro da manta de retalhos em que o PSD se transformou...".
Acontece que o nosso leitor tinha lido aqui praticamente a mesma ideia e onde se sublinhava que "A manta de retalhos que representa o PSD...". Coincidências...

VEM AÍ O TIGRE (12)


> No Zodíaco que temos vindo a divulgar com ligação ao ano do Tigre, chegou a vez dos nativos do Cão. Nascidos em 1946; 1958; 1970; 1982; 1994 e 2006. O Cão é honesto, fiel líder, generoso mas teimoso, dedicado a sucessos. Cavalo e Tigre são seus amigos, ao contrário do Dragão.
O ano que agora vai terminar não foi bom para o Cão, mas o novo ano será muito melhor. Antes de mais, há que ter em conta que o Cão e o Tigre pertencem a uma mesma família. Isso significa que há alguma familiaridade entre as "energias" dos signos envolvidos. Quando isso acontece atravessam-se terrenos conhecidos e a nossa rede de contactos e amizades, e também familiares, pode funcionar.
A altura é boa para se avançar com projectos que aguardavam uma oportunidade, pois, tudo será mais fácil no ano do Tigre. Outra das armas do Cão será a relação entre os elementos dos dois signos envolvidos. A Madeira do Tigre representa para o Cão o chamado "elemento do poder", o que se traduz em maior estatuto social e profissional, melhor reputação e mais autoridade.
O lado mais negativo do ano será alguma predisposição para os nativos do Cão se refugiarem em si próprios não por estarem deprimidos ou preocupados mas por se sentirem melhor assim. Isso poderá afectar o relacionamento com os outros, embora sem gravidade.

sábado, janeiro 30, 2010

SPORTINGUISTA ENVERGONHADO

O QUE É QUE BELMIRO QUER MAIS?

> Esta tarde, ao passar numa artéria de Lisboa na companhia de um amigo, este indicou-me dois prédios novinhos em folha e disse-me que eram do Belmiro de Azevedo. O quê? Aquele do Colombo? Dos prédios no Porto? De propriedades por todo o país? Da Sonae? Da Optimus? Do Continente? Do 'Público'?...
O meu amigo disse-me que eu nem sabia da metade do império existente nas mãos de Belmiro Azevedo. Afinal, o homem ao arrasar com Cavaco, com Sócrates, com Alegre, com Ferreira Leite, com tanta e tanta gente com poder, o que mais quererá? Ser proprietário do mar, do ar e da mercearia do tio Manuel da minha rua?
Infelizmente, há homens que se esquecem que todos vamos deitados e só com o fatinho...

QUANDO É QUE OS MATAM A ELES?


> Em Ponte de Lima assiste-se a um dos maiores crimes jamais levado a efeito contra animais. Sem mais nem menos, uns criminosos têm disparado a matar contra os cavalos que naquela região são praticamente "sagrados". Oito garranos foram mortos e não é a primeira vez que isto acontece. Reina a tensão em Ponte de Lima e o pior pode acontecer, já que um amigo do JORNAL DO PAU, ontem mesmo, interrogava-se: "Quando é que os matam a eles? Esses cabrões vão começar a levar pólvora pelos cornos abaixo".

VERDADE DESPORTIVA SEM VERDADE

> O comentador da SIC com o penteado mais oleoso, Rui Santos, resolveu recolher assinaturas em prole de uma "verdade" desportiva lá muito dele. E vai daí começou a dar propaganda aos nomes sonantes que ia arrebanhando. Acontece que, depois de entregar na Assembleia da República a lista dos nomes angariados para a sua "verdade", veio a lume que a lista pode ter vários nomes inventados e que nunca se associaram à cruzada "santificada". É o caso, por exemplo, do historiador José Hermano Saraiva que já desmentiu ter alguma vez ter apoiado a iniciativa de Santos e muito menos ter colocado a sua assinatura na petição em causa. "Verdades" obscuras...

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (29)



VEM AÍ O TIGRE (11)


> Hoje, falamos do Galo. Um signo que tem muito que se lhe diga, especialmente quando os nascidos em Galo gostam muito de cantar de alto, apesar de muitas vezes lhes sair mal o canto. São nativos em Galo os nascidos em 1945; 1957; 1969; 1981; 1993 e 2005. O Galo é pioneiro, espiritual no trabalho, ansioso por conhecer, egoista e excêntrico. Compatível com Búfalo, Dragão e Serpente, mas não com o Coelho.
Não há nenhuma relação entre o Galo e o signo do novo ano (Tigre). Isso pode significar uma oportunidade para os nativos do Galo fazerem uma pequena e pacífica travessia do deserto, durante a qual se recompõem e se preparam iniciativas futuras.
Mas acontece como muitos almanaques sublinham, que surgem nos caminhos dos Galos importantes "estrelas auspiciosas" que podem transformar 2010 num período claramente positivo. Uma dessas "estrelas" promete a ajuda de pessoas influentes, que genuinamente se dispõem a ajudar, constituindo um elemento importante do caminho para o sucesso. Outra "estrela" exerce sobretudo uma função protectora, ajudando a ultrapassar dificuldades e a resolver eventuais problemas.
Os que trabalham por conta própria ou são pagos em função do que produzem sentirão de forma mais evidente as influências positivas. Os Galos devem aproveitar as energias positivas deste ano para "arrumar a casa", preparando-se para anos futuros mais animados, como por exemplo, o próximo 2011.

sexta-feira, janeiro 29, 2010

SPORTING ADEUS AO TÍTULO

> O Sporting com um treinador que diz ter jogado bem em Braga, quando jogou pessimamente. O Sporting que devia ter exportado o Miguel Veloso. O Sporting com o Liedson desmotivado. O Sporting sem um goleador. O Sporting com três pedras fundamentais (Adrien Silva, Ismailov e Miguel Veloso) que pareciam ter ficado em Lisboa. Este Sporting disse adeus ao título de campeão, ficou a 15 pontos do primeiro e terá que lutar para não baixar de divisão. A derrota em Braga (1-0) promove o Sporting para uma banalidade que obriga a grande vassourada de alto a baixo. Os sócios e adeptos do Sporting têm a palavra...

Para rir:

"Venho disposto a conquistar títulos"
Pedro Mendes, à chegada hoje a Lisboa contratado pelo Sporting

MAIS MENTIRA

> Anunciaram hoje que o desemprego em Dezembro aumentou para 10,4%. É mentira. O desemprego em Portugal no dia 23 de Dezembro de 2009 era de 12,3%. Há no Governo quem tenha os números verdadeiros...

AI CAROLINA, PARECE QUE ESTÁS TRAMADA

> Uma testemunha no julgamento que opõe Carolina Salgado a Pinto da Costa contou hoje em tribunal ter sido persuadida pela antiga companheira do líder portista a «dar um enxerto» e matar o médico Fernando Póvoas. «Era para ir dar um tratamento ao Póvoas. Limpá-lo. Matá-lo»,contou ao Tribunal de São João Novo, no Porto, a testemunha Rui Passeira, que terá desempenhado «mais ou menos» as funções de segurança de Carolina, após a separação do casal em 2006, a troco de «umas graminhas» de droga.

Num dos seis processos em julgamento Carolina Salgado é acusada de ofensa à integridade física qualificada, na forma tentada, ao médico Fernando Póvoas. Jorge Nuno Pinto da Costa, presidente do Futebol Clube do Porto, é arguido num dos processos, estando acusado de lhe desferir duas bofetadas a 6 de Abril de 2006.

Os restantes processos acusam Carolina Salgado de difamação a Pinto da Costa e Lourenço Pinto e de mandar incendiar os seus escritórios.

Rui Passeira relatou que levou «um martelo» para agredir Póvoas à saída do consultório deste, mas que a dado momento pressentiu que «tinha sido visto» nas traseiras do edifício onde aguardava pela sua saída, razão pela qual desistiu dos seus intentos.

«Estava nas traseiras mas fui visto», descreveu.

A testemunha referiu, também, que «ia comprar cocaína para Carolina» e que terá sido pelas «graminhas» que a arguida lhe dava que assentiu ao pedido de «dar uma martelada» a Fernando Póvoas.

«Quando disse à Carolina que não tinha dado, ela ficou nervosa», acrescentou.

Uma amiga de Carolina prestou também hoje declarações, nas quais garantiu ao tribunal que a arguida «esteve a dormir» na sua casa na noite em que terá sido incendiado o escritório de Lourenço Pinto.

O julgamento prossegue na manhã de 19 de Fevereiro, data em que será decidido se o tribunal, a pedido da defesa de Carolina, se irá deslocar à antiga morada desta na Madalena, Gaia, local onde terá sido agredida por Pinto da Costa.

VIRAR DE PÁGINA

Blogues Oeiras local

ANGOLA SEM ELE









>
Quando passa, quase sem referência crítica nos media internacionais, o "golpe constitucional" de José Eduardo dos Santos, e seus apoiantes, em Angola é tempo de evocar a memória de Jonas Malheiro Savimbi. Ele não cabia neste quadro estreito de que é feita a política, e os negócios, em Luanda. Por isso o mataram. Claro que Savimbi tinha, também, sangue nas mãos. Tito Chingunji, Wilson dos Santos, Bock, e outros. Mas quem o não tem naquele "reino cadaveroso" ? Lembro Sita Valles, Van Dunen's, Nito Alves e outras vítimas só do 27 de Maio. Savimbi, ao menos, não era comprável. Não recebia comissões. Bateu-se, até ao fim, pelo que julgava melhor para Angola. João Soares

A VERGONHA DA SEMANA

> Câmara. Concurso. Vereador. Atelier do vereador. Filho do vereador. Tudo contente. Esta notícia

FRASES DO FUTEBOL

> Cuidado com os ataques cardíacos por excesso de riso...

João Pinto, ex-jogador do Porto

- "Comigo, ou 'sem-migo', o Porto vai ser campeão!"

- "Sim, estamos felizes porque estamos contentes."

- "Não foi nada de especial, chutei com o pé que estava mais a mão!"

- "O meu coração só tem uma côr: azul e branco."

- "O meu clube estava à beira do precipício, mas tomou a decisão correcta: deu um passo em frente..."


Jardel, ex-jogador do Porto e Sporting

- "Nestes jogos, sobe-me a NAFTALINA!..."

- " Clássico é clássico, e VICE-VERSA..."

- "O difícil, como vocês sabem, não é fácil"


Jaime Pacheco, ex-treinador do Boavista

- "...vamos jogar ao ataque, fechadinhos lá atrás..."

- "Jogar à defesa pode ser uma faca de dois legumes."

- "Querem fazer do Boavista um BODE RESPIRATÓRIO."

Jorge Jesus, ex-treinador do Belenenses e actual treinador do Benfica

- "O processo de NEUTRALIZAÇÃO do jogador pertence ao FORNO interno do clube."


Roger ex-jogador do Benfica

- "Nem que eu tivesse dois pulmões eu alcançava essa bola."


Rui Barros, ex-jogador do Porto

- "...Vou dar o meu melhor de mim."

Ricardo, ex-jogador do Boavista e do Sporting

- "Quando se leva um pontapé nas canelas ...dói mas não aleija."


Nuno Gomes, Benfica

- "Nós somos humanos como as pessoas"


Derlei, ex-jogador do Porto e Sporting

- "Eu DISCONCORDO com o que você disse."

José Peseiro, ex-treinador do Sporting

- "Não quero estar aqui a numerar nomes."


Barroso ex-jogador do Sporting de Braga

- "Não deu para fazer mais, estou de caganeira!"


Djair, ex-jogador do Belenenses, quando chegou ao Restelo

- "Tenho o maior orgulho de jogar na terra onde Cristo nasceu"


Gabriel Alves, RTP

- "Juskowiak a vantagem de ter duas pernas!"

- "É um estádio bonito, moderno, arejado..."

- "A selecção não jogou nem bem nem mal, antes pelo contrario..."

- "Reparem como os jogadores do Bayern movimentam-se descrevendo figuras geométricas....O futebol é uma arte plástica..."

- "Existem muitos jogadores alemães a jogarem no campeonato germânico."

- "Kenneth Anderson, 1 metro e 93 de golo..."

- "Joao Pinto vai centrar para o meio da confusão... mas não está lá ninguém!"

- "Remate rasteiro a meia altura por cima da barra!"

- "E o jogador foi atingido por um objecto lançado provavelmente por algum telespectador."

- "...neste estádio OUVE-SE UM SILÊNCIO ENSURDECEDOR..."

- "Fica na retina um cheiro de bom Futebol."

- "Giggs, um jogador que remata bem do meio-campo para a frente."

- "E aí está uma enorme cavalgada de Thuram... este homem é um leão."


Nuno Luz, SIC

- "Inácio fechou os olhos e olhou para o céu."


José Marinho, SporTV

- "Henry não é um homem... é uma manada!"


BOM FIM-DE-SEMANA!

FAMÍLIA MODERNA ESCOLHE CARRO NOVO


CAVACO REUNE CONSELHO DE ESTADO

> Muita gente estava admirada que o Presidente da República não convocasse o Conselho de Estado, em face da depauperada situação do país. Cavaco Silva chamou a Belém os conselheiros de Estado para a próxima quarta-feira, a fim de relectir "o futuro e o novo quadro parlamentar".
Será importante que o Conselho de Estado reflicta bem sobre o endividamento escandaloso de Portugal e o número elevado de desempregados sem quaisquer apoios. A revolta está à porta.

GRIPE SUÍNA É MAIS FINA


> 90 pessoas apanham a Gripe Suína (A-H1N1) e toda a gente quer usar máscara.

Cinco milhões de pessoas têm SIDA e ninguém quer usar preservativo.

1.000 pessoas morrem num país rico com Gripe Suína, é uma pandemia.

Milhões de pessoas morrem com paludismo em África, é problema deles...

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (28)



A BRINCAR COM OS CARRINHOS

A RAPARIGUINHA ANDOU NA GUERRA

APÓS MAIS UMA SEMANA DE ALMOÇARADAS

> ... António Costa, ilustre presidente da Câmara de Lisboa, engordou mais um quilo...

XIMENES BELO FORA DE TIMOR

> Há pouco, telefonaram-me a dizer que tinham visto uma fotografia no 'DN' do ex-bispo de Díli, Ximenes Belo, a abençoar a nova delegação do Turismo do Porto e Norte, em Santiago de Compostela, na companhia de Rui Rio, presidente da Câmara do Porto e de Bernardo Trindade, secretário de Estado do Turismo. E perguntaram-me o que anda este timorense a fazer nestas cerimónias e se não achava que o lugar do bispo era em Timor-Leste "junto do seu rebanho".
Respondi que não achava nada. Limitei-me a esclarecer que a saída abrupta de Ximenes Belo de Timor-Leste ainda hoje [para alguns] está envolta em mistério. Contudo, aconselhei o meu interlocutor a perguntar aos dirigentes da FRETILIN por que razão o bispo foi "corrido"...

MENINA-MULHER DESPIU-SE PARA A FAMA








>
Mariline Hortigueira, de 23 anos, é a capa de Fevereiro da FHM. Participou por duas vezes no concurso 'Ídolos'. Depois da sua saída, os responsáveis da revista masculina contactaram a ex-concorrente para ser capa do mês de Fevereiro. Numa edição especial, dedicada à música, Mariline surpreende com uma sessão fotográfica que pode ser vista em 13 páginas. A menina-mulher despiu-se com o único objectivo de entrar na berlinda dos badalados. Uma opção que só diz respeito à possível cantora.

VALE A PENA SER DO PS

> Quem decidiu ser do Partido Socialista fez a sua melhor opção de vida. Emprego não lhe faltará nos próximos 10 anos, pelo menos, porque não existe alternativa a um governo socialista. A qualquer membro do PS tudo se admite, tudo pode fazer, mesmo à margem da lei, que será sempre ilibado. Dois exemplos apenas: vejam-se os casos do Tribunal Constitucional a abafar o que era merecedor de punição relativamente à propaganda no Brasil e o de Joaquim Raposo, presidente da Câmara da Amadora, onde o Ministério Pública anulou decisões da PJ. E depois, não venha o senhor procurador-geral da República Pinto Monteiro dizer que não está ao serviço do PS.
Exemplo 1: TC anula coima de milhares de euros aplicada aos socialistas por irregularidades durante campanha no Brasil.

Um acórdão publicado na terça- -feira pelo Tribunal Constitucional (TC) anulou a coima que o Ministério Público aplicou no dia 9 de Dezembro ao Partido Socialista. A "multa", que teria um valor entre os 4500 e os 90 mil euros, foi aplicada pelo MP na sequência de terem sido descobertas novas irregularidades na campanha que o PS fez no Brasil para as legislativas de 2005. O MP fez chegar ao Largo do Rato uma coima "pelo incumprimento do dever de reflectir nas contas da campanha eleitoral [de 2005] determinadas receitas e despesas relativas a acções de propaganda política". Em causa estava a campanha efectuada no "círculo de emigração de Fora da Europa", mais precisamente, no Brasil. O caso é antigo, mas voltou à ribalta há três meses, quando o cabeça de lista do PS naquele círculo, Aníbal Araújo, acusou José Lelo de oferecer, em troca de financiamento partidário, cargos no consulado honorário em Cabo Frio (Brasil), na administração da empresa de telecomunicações Vivo e nas Águas de Portugal de Cabo Frio.

Exemplo 2: É mais uma bronca numa investigação que se arrasta há anos. PJ notificou autarca, mas MP não validou.

A Polícia Judiciária e o Ministério Público continuam de candeias às avessas por causa da investigação à Câmara da Amadora, liderada pelo socialista Joaquim Raposo. No final do ano passado, o autarca foi notificado por elementos da Unidade Nacional contra a Corrupção (UNCC) da sua constituição como arguido no processo. Mas uma procuradora do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) não validou a acção da Judiciária. De acordo com o Código de Processo Penal (CPP), a procuradora Antonieta Borges - a titular do processo - tinha dez dias para ratificar a constituição como arguido de Joaquim Raposo e de outras pessoas que também foram notificadas pela PJ. Só que não o fez. Logo, nem o autarca da Amadora nem os restantes notificados são arguidos no processo.

VEM AÍ O TIGRE (10)


> Eis que chegou o dia do senhor Macaco. Inteligente, bom político, sedento de conhecimentos e criativo, mas fácil de desanimar. Perante quem o injustiça opta por não reagir. São Macaco os nascidos em 1944; 1956; 1968; 1980; 1992 e 2004. De uma ou de outra maneira os nativos do Macaco serão as grandes estrelas de 2010. Muitas das grandes transformações e principais notícias passarão por eles. O choque de energias entre os elementos Madeira (Tigre) e Metal (Macaco), significa mudanças e movimento. O status quo altera-se, seja porque alguma coisa que se tinha por garantido deixa de existir ou porque se cria uma nova situação.
Há uma tendência para considerar esta configuração como negativa porque as pessoas preferem a estabilidade à mudança. Mas, por vezes, o "choque" zodiacal concretiza-se através de uma mudança relativamente neutra.
Todavia, essas mudanças podem ser, de facto, perturbadoras. Se o ano tomar essa feição, os nativos do Macaco devem encarar os acontecimentos sem lhes opor demasiada resistência. Quanto mais movimentos houver, melhor, é uma forma de amortecer o "choque" de energias opostas.
Para muitos nativos do Macaco toda esta movimentação será intelectualmente estimulante e constituirá uma oportunidade para evidenciarem as suas melhores qualidade. O ano do Tigre será um ano de viragem em muitos aspectos, onde o dinheiro e o trabalho serão melhores que o amor. Muito cuidado com a saúde.

quinta-feira, janeiro 28, 2010

RANGEL LÍDER DO PSD: ANUNCIÁMOS EM JUNHO DE 2009


> Esta noite, na SIC Notícias, programa 'Quadratura do Círculo', o líder parlamentar do PSD, na condição de convidado, afirmou que não poderia anunciar a sua candidatura a presidente do seu partido, porque a sua preocupação apenas visava a liderança parlamentar. Esta posição de José Pedro Aguiar-Branco pode ser interpretada como uma "dica" a confirmar a candidatura do eurodeputado Paulo Rangel.

De salientar, que o JORNAL DO PAU adiantou em 6 de Junho de 2009 que Paulo Rangel seria o futuro líder do PSD. E a este propósito, na edição de amanhã, sexta-feira, pode ler-se no 'Sol' que Durão Barroso já convenceu Paulo Rangel a candidatar-se à liderança do PSD.

MÃOS A ARDER

> Ou muito nos enganamos ou vai haver muita gente com as mãos a arder por causa da Fundação das Comunicações Móveis (FCM), mais conhecida pela 'Fundação do Magalhães', ou ainda como a 'Fundação do Mário Lino'. Os deputados da Assembleia da República vão querer ouvir a opinião do professor Freitas do Amaral e existe uma lista de 16 pessoa para serem ouvidas na Assembleia da República, nomeadamente, o ex-ministro Mário Lino, o actual ministro das Obras Públicas, os seus secretários de Estado e os administradores da FCM, sobre matéria que parece ser muito obscura nos negócios da FCM.

Aqui está um caso que investigado a fundo faria queimar muitas carteiras...

NOVO FERRARI F10



> A Ferrari apresentou hoje o F10, o novo modelo para o Mundial de Fórmula 1 de 2010, com o qual a “escuderia” italiana pretende recuperar a tradição ganhadora na modalidade. “Acabámos uma época que não se revelou nada competitiva para nós e este modelo deve assinalar um ponto de viragem para o futuro. Queremos ganhar outra vez”, explicou Stefano Domenicalli, director da equipa.
Neste sentido, e quase como superstição, a Ferrari recuperou o hábito de “baptizar” os monolugares com a referência ao ano relativo à época, depois da excepção de 2009 e do nome F60, que assinalava o 60º aniversário da escuderia.
Em virtude do novo patrocínio do banco espanhol Santander, que “acompanhou” a contratação do compatriota Fernando Alonso, o modelo também apresenta uma novidade: as asas dianteiras passarão a “vestir-se” de branco.
A época de 2009 foi desastrosa para a formação italiana, que terminou no quarto lugar na classificação de construtores.
Individualmente, a melhor prestação valeu apenas o sexto posto, ocupado finlandês Kimi Raikkonen, ironicamente dispensado pela Ferrari para a entrada de Alonso, bicampeão mundial (2005 e 2006) quando representava a Renault. O outro piloto será o brasileiro Felipe Massa.

CUIDADO COM OS CARROCÉIS

> Quem vos avisa vosso amigo é. A todos os que pensam circular por Lisboa é melhor fecharem de imediato o computador. Peguem no carro e desapareçam a grande velocidade a caminho de casa. Se não, podem ficar duas, três ou mais horas num engarrafamento gigantesco, em resultado de uma manifestação que os empresários de carrocéis e outras diversões pretendem executar em breve cortando o tráfego em várias artérias de Lisboa com os seus camiões e materiais de diversão. É um protesto contra o Governo.

QUAL É O PROBLEMA?

> De um total de 23 parques de estacionamento subterrâneos inspeccionados pela Deco Proteste na zona de Lisboa e do Porto, apenas seis estavam em boas condições.

Qual é o problema? Ninguém vai preso...

JÁ DEVIAM TER IDO

> Ricardo Salgado, presidente do Banco Espírito Santo, considera que a tributação sobre bónus de administradores e gestores pode levar a que "gente muito valiosa" abandone Portugal para trabalhar noutro país.

Pela merda que fizeram às finanças nacionais, pelo dinheiro que aconselharam ser transferido para offshores, pelos juros que cobraram nos créditos à habitação até já deviam ter ido de patins...

CANTINHO DO POEMA











Liliana Fernandes



Amarra-me!
Prende-me
Entre as
Tuas pernas.
Escapo-me,
Caminhando nas
Entrelinhas dos gestos e,
Sorrateiramente,
-
Mergulho-te,
Encontrando-me, por fim, em ti.

H
eroicamente
Olho-te.
Jogo-te um piscar maroto e
Entregamo-nos aos

E
cos de prazer.

D
emoramo-nos,
Encaixados no
Peso um do outro.
Os corpos, antes
Incautos,
São agora telas pinceladas pelo carimbo do nosso sabor.

TERRENO DA CREL ALVO DE EXPLOSÃO SUBTERRÂNEA?

EXCLUSIVO

> "O desabamento de terras sobre a CREL pode ter sido motivado por qualquer tipo de explosão subterrãnea", afirmou ao JORNAL DO PAU um engenheiro que é professor no Instituto Superior Técnico. A nossa fonte adiantou que o movimento de terras que se registou no local "é demasiado volumoso para ter sido um simples cataclismo natural".
Entretanto, o presidente da Câmara Municipal da Amadora, Joaquim Raposo (PS), afirmou hoje que o Grupo Espírito Santo, através do fundo imobiliário Edifundo, é o proprietário do terreno que desabou para a CREL na última sexta-feira.
"Temos o registo de que aquele terreno pertence ao Edifundo do Grupo Espírito Santo. É a única certeza que a Câmara Municipal da Amadora tem. Há documentos e qualquer um pode confirmar", afirmou hoje Joaquim Raposo.

OUTRO SOCIALISTA QUE NÃO APOIA ALEGRE

> Parece que começa a ser uma ladainha socialista: "não-apoio-manuel-alegre-não-apoio-manuel-alegre-não-apoio-manuel-alegre". Agora, coube a vez ao antigo ministro da Saúde, professor Correia de Campos, anunciar que não apoia Manuel Alegre como candidato a Presidente da República. Quem é o senhor que se segue?...

PESSOA NO ANEDÓTICO

> Acreditem porque é verdade. O cómico brasileiro que tem passado a vida a contar anedotas contra os portugueses virou grande amigo de Portugal e, em especial, do nosso Fernando Pessoa. Jô Soares vem a Portugal mamar mais umas centenas de milhares de euros à custa de declamar uns poemas de Pessoa, como se no nosso país não existissem declamadores a sério. Lamentavelmente continuamos a pensar que o que é estrangeiro é que é bom. A prata da casa é merda. Para os artistas portugueses nunca há dinheiro nem contratos, mas à estrangeirada abrem-se as pernas para todo e qualquer parto, especialmente como este de Jô Soares, de muita dor... de alma por se ouvirem os poemas de Fernando Pessoa tão mal tratados.

MAIS UM SOCIALISTA ANTI-ALEGRE

> Esta notícia pode indiciar muita coisa. Valter Lemos está no governo devido à sua grande amizade com José Sócrates e à ligação de ambos por terras de Castelo Branco. O secretário de Estado do Emprego anunciou que não apoia a candidatura de Manuel Alegre à Presidência da República. Este anúncio poderá traduzir que Sócrates enviou um dos seus peões para preparar o terreno de um futuro anúncio oficial do PS no sentido do apoio a outro candidato, nomeadamente Jaime Gama, António Vitorino ou Freitas do Amaral.
Valter Lemos garantiu que será "objector de consciência" se o PS apoiar Manuel Alegre. "Não apoio e não considero que a candidatura cumpra as condições adequadas", referiu. Lemos lembra que "Alegre nunca foi primeiro-ministro, nem sequer ministro ou presidente de Câmara, ao contrário de todos os outros Presidentes da República".

ANTENA 1 DE MAL A PIOR


> O canal de rádio estatal, Antena 1, tem piorado a sua programação e em certos períodos do dia, como o da tarde, chega mesmo a ser "intragável" (leia-se inaudível). No período da manhã tinha melhorado bastante com a inclusão do apresentador Augusto Fernandes. Agora, o responsável da estação anunciou que a partir de segunda-feira temos de levar novamente com a "maior boca cheia de favas" de toda a rádio portuguesa. Um tal de António Macedo, que ao falar ao microfone consegue a proeza de os ouvintes não perceberem metade das palavras que pronuncia. Quem fica a ganhar é a TSF e a Rádio Renascença. No meu role de amigos que têm sintonizado a Antena 1, já me comunicaram que para a semana o canal estatal deixará de se ouvir nos seus receptores.

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (27)



VEM AÍ O TIGRE (9)


> A Cabra é o signo que abordamos hoje. Cabra é elegante, criativa de artes, apaixonada mas tímida. Compatível com Coelho, Cavalo e Porco. Incompatível com a Serpente. São Cabra os nascidos em 1943; 1955; 1967; 1979; 1991 e 2003. Para muitos nativos da Cabra o ano do Tigre (2010) vai ser o "ano seguinte" a uma fase de prováveis grandes transformações. Isso, pode significar que terão a tendência para olhar para trás e viver ainda sob os efeitos dos acontecimentos que dominaram 2009.
Essa predisposição para "digerir" acontecimentos do passado recente é, se for o caso, um processo perfeitamente normal. Acontece, porém, que o próximo ano guarda potencialidades excepcionais que não devem ser ignoradas. Ou seja, terão de viver tendo em conta estas duas vertentes e não apenas uma delas. Uma das influências positivas do ano tem a ver com o relacionamento com as outras pessoas, seja no campo sentimental ou noutros. Terão gente influente a querer ajudá-lo e é grande a probabilidade de encontrarem alguém que desempenhará um papel muito importante no futuro.
Outra das influências sugere a pura felicidade e a paz, beneficiando o relacionamento com os outros. Uma terceira influência é muito mais concreta nos seus efeitos, podendo traduzir-se em "acontecimentos auspiciosos", como o casamento, o nascimento de um filho ou a compra de uma propriedade. Será um ano muito bom para o amor, sendo também um período positivo relativamente à saúde, trabalho e dinheiro.

quarta-feira, janeiro 27, 2010

HÁ MINISTROS QUE VOAM DE BORLA

ELVIS IS ALIVE

OLHA QUEM FALA










CAVACO SILVA É UM DITADOR

> Belmiro de Azevedo deve ter esquecido que é o patrão da Sonae, um grupo económico onde reina uma autêntica ditadura e exploração sobre os trabalhadores. Concedeu uma entrevista á 'Visão' e disparou em todas as direcções, como se ele fosse um santo. Chegou mesmo ao ponto de afirmar que o Presidente da República é um "ditador".
"Mandou quatro amigos meus, dos melhores ministros, para a rua, assim de mão directa", afirmou Azevedo. Sobre a candidatura de Manuel Alegre à presidência da República, considera que o ex-deputado socialista "devia ter juízo. No final do mandato já terá 80 anos, não é muito sensato".
A respeito das alegadas pressões do Governo, afirma que "o primeiro-ministro telefona ou manda telefonar com muita frequência".
Belmiro está contra a existência de um Bloco Central, porque se existisse, virava "ditadura a dois, compadrio. Neste momento, e quase direi por felicidade, não há um Governo de maioria". Afirma que se "criou um sistema em que o povo vota pelas festas, frigoríficos e passeios".
Quanto à líder do PSD, Manuela Ferreira Leite, considera que "teve muitos anos de trabalho, mas no Estado. Nunca dormiu mal por ter a responsabilidade de saber como pagar salários".
O líder da Sonae diz que tem dificuldade em saber os nomes de metade dos ministros que estão no Governo e refere que "muitas vezes as promessas são feitas sem o Teixeira dos Santos assinar pior baixo".
"Os salários são baixos. O pessoal do meio é que ganha de mais. Têm de ser aumentados o último piso e o rés-do-chão", acrescenta, sem dizer se irá começar pelas suas empresas.
Belmiro de Azevedo diz ainda na entrevista que "a Sonae é incorruptível" e defende que se acabe o "devaneio das grandes obras". Sobre o jornal 'Público', refere que o ex-director José Manuel Fernandes "era acusado - e bem acusado - de não criar climas de consenso no jornal". Ele lá sabe...

O CRIME COMPENSA

> José Oliveira Costa recebeu uma indemnização de quase 800 mil euros, quando abandonou a Sociedade Lusa de Negócios (SLN) e o Banco Português de Negócios (BPN) e acordou no pagamento de uma pensão vitalícia de 9.000 euros mensais, cujo pagamento teve início no passado dia 1 de Janeiro, informa o semanário 'Sol'.

ABERTURA DO ANO JUDICIAL PARA SURDOS

> Há anos que ouvimos a mesma coisa. Na cerimónia de abertura oficial do ano judicial, os discursos das personalidades presentes são uma conversa para surdos. É necessário mudar a Justiça? Bolas, que a conversa já cheira mal... então, mudem!

ISTO NÃO PODE ACONTECER

> Uma lancha da Armada abriu fogo de metralhadora esta madrugada sobre uma embarcação descaracterizada da Polícia Marítima, que estava a realizar uma operação de vigilância costeira perto de Portimão. Mas desde quando na Armada certos sectores não sabem o que andam a fazer outros sectores? Não há comando operacional que dirija todas as operações?...,

O iPAD JÁ CHEGOU



CARMINDICES


Carmindo Mascarenhas Bordalo*



OS PEDINTES


> Leio com a maior perplexidade que o Ministro das Finanças "pede a agências de rating" para evitarem conclusões precipitadas" - http://economia.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1420018
Receoso de que a classificação económico-financeira de Portugal ainda consiga piorar, Teixeira dos Santos vem, de mão estendida, pedir que poupem a medíocre actuação do governo e não lhe dêem muito má nota.
Faz-me lembrar aqueles alunos que, depois de nada estudarem e de fazerem exames miseráveis, sem nunca terem procurado antes o professor, vinham pedir-me benevolência pelos seus lindos olhos ou, na prova oral, desatavam a chorar inventando mortes de familiares, incêndios das suas casas ou desastres de última hora.
O governo de José Sócrates envergonha Portugal.
Um governo que se preze não anda a pedinchar clemência ou a tentar convencer outros a serem bonzinhos para com ele.
Sócrates encontrou um País com uma dívida pública muito inferior, um défice de menos de 3% (certificado pelo Eurostat, apesar das manobras enganadoras de Vítor Constâncio), um desemprego de menos 4% (e que ele já dizia ser inaceitável), com mais crescimento económico e com menor percentagem de despesa pública.
A desculpa esfarrapada da crise internacional não convence.
Sócrates andou 5 anos com conversa fiada: programas de reforma da administração pública que não são nada, ataques gratuitos a classes profissionais sem acabar com os privilégios injustos, investimentos públicos sem sustentação financeira, ajudas a empresas "government-friendly", injecções de capital em bancos mafiosos.
A crise já existia e ele nada fez. E continua a nada fazer.
Congelou os ordenados dos funcionários públicos mas a dívida pública continua a aumentar. Somos um País estrangulado e sem crescimento económico.
Como remédio, o governo estende a mão e, numa postura de "tenham dó do ceguinho", vem pedir encarecidamente que não o chumbem.
Como diria a saudosa Irene Isidro (ainda antes de Amália), "Tudo isto existe, tudo isto é triste..". Terá de ser fado?


*Professor Catedrático Jubilado, cronista residente

VEM AÍ O TIGRE (8)


> Hoje, vamos falar-vos do Cavalo. É animador, popular, impaciente, hábil em ganhar dinheiro. Compatível com o Tigre, Cabra e Cão. Não alinha com o Rato. São nativos do Cavalo os nascidos em 1942; 1954; 1966; 1978; 1990 e 2002. Podemos ler nos almanaques chineses que os anos de 2008 e 2009 não foram muito favoráveis ao Cavalo, mas que 2010 será muito mais favorável. Uma boa notícia. O Tigre que domina o ano, tem uma influência muito forte do elemento Madeira, ao passo que o signo Cavalo é do elemento Fogo.
Ora, de acordo com o ciclo das transformações, o elemento Madeira gera o Fogo,o que significa que a energia universal qi circula do Tigre para o Cavalo. O primeiro signo "alimenta" e protege o segundo. O Cavalo tende a receber mais do que a dar, andará pouco inclinado para a acção, quererá mais aprender do que fazer. Há, no entanto, que ter em conta também que os dois signos pertencem, juntamente com o Cão, ao triângulo do elemento Fogo.
Esta circunstância tem duas facetas. Por um lado, significa que os nativos do Cavalo sentir-se-ão "no seu elemento". Não haverá muitas energias diferentes a desafiá-los, sentir-se-ão seguros e confortáveis e terão pessoas influentes dispostas a ajudá-los. O que não estimula muito a vontade de agir mas é muito favorável à criatividade.
Este será um ano excelente para recarregar as "baterias" e digerir psicologicamente os acontecimentos dos dois últimos anos. Mas ao mesmo tempo valoriza o factor humano. A rede de amizades e conhecimentos funcionará. O dinheiro será um aspecto melhor que a saúde, amor e trabalho, sendo estes três vectores também positivos.

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (26)




deSIDA-se
use o preservativo


*Um conselho da Organização Mundial de Saúde do PAU

OS JUÍZES JÁ TREINAM

BOCAS NA RUA

Enfermeiros

- É pá, que chatice! Os enfermeiros estão hoje em greve.

- Ainda bem, pá! É da maneira que os putos não choram a levar a vacina da gripe A...

OS CRIMINOSOS








>
Os funcionários públicos é que pagam as favas. São os criminosos de todo o mal que atingiu este país. São os culpados dos gastos astronómicos que os governantes decidem levar a efeito sem rei nem roque. São os culpados da introdução de milhares de milhões de euros no BPN. São os culpados dos governantes continuarem a optar por carros topo de gama, cartão de crédito gold, despesas de representação e outras mordomias escandalosas. São os culpados de os deputados ao fim de dois mandatos passarem a ter uma reforma vitalícia. São os culpados de existirem subsídios de desemprego em numerário superior a 1,500 euros. São os culpados das reformas elevadíssimas. São os culpados das decisões absurdas para a construção de aeroportos e TGV's desnecessários.
Os funcionários públicos não serão aumentados. Ora aí está a grande decisão reformadora deste governo incompetente. Se o governo socratino quisesse poupar dinheiro sabe muito bem que no respeitante à função pública apenas haveria uma medida corajosa a tomar, precisamente a de acabar com o excedente de funcionários públicos que existem no activo. Que fiquem os bons, os melhores e que mais de metade dos funcionários públicos procurassem outro rumo, seria a lógica de poupança. O que não se admite é que todos aqueles que são excelentes funcionários, que ultrapassam as horas obrigatórias de trabalho constantemente sem serem remunerados, que são de uma competência extrema e de uma eficiência exemplar não sejam contemplados com um aumento salarial justo e mobilizador. Com este governo é a injustiça a toda a prova.

© jes 2010

terça-feira, janeiro 26, 2010

CANTINHO DO POEMA









liliana fernandes




Quisera eu, agora,
Um segundo para, nas
Entrelinhas do querer,
Rabiscar-te com
Osculos demorados
-
Termos que
Ecoam a vontade que te tenho.

Q
uero
Unir-me a ti.
Escalar o
Rascunho do teu corpo.
Obrigar-te a
-
Traduzir, em gestos ferozes,
Enigmas carnais.

NO ÉTER DA MINHA RÁDIO (25)



AJUDEM A SALVAR O FILHO DO MEU GRANDE AMIGO ANDRÉ


> Afonso Couto, de seis anos, precisa de um transplante de medula e não tem ninguém compatível na família nem em Portugal

Trata-se de um problema recente, diagnosticado a 30 de Outubro último, que não deixa ninguém indiferente e que provocou, naturalmente, uma reacção de apoio e solidariedade: "Força, Afonso!"

Afonso Couto, seis anos apenas, é filho do piloto português André Couto, verdadeira estrela em Macau, e enfrenta, "com coragem", uma leucemia linfoblástica aguda. O risco, esse, é bastante elevado, pelo que um transplante de medula é, nesta altura, absolutamente necessário. Urgente, mesmo.

"Já sabemos [família Couto] que não somos compatíveis. E segundo a base de dados, não há ninguém, em Portugal, compatível com o Afonso. O meu filho ainda não está, propriamente, em fase de espera, mas o ideal seria encontrarmos, o mais depressa possível, um dador num país estrangeiro. A lista de espera foi alargada há sensivelmente duas semanas", disse André Couto ao DN, ontem à tarde.

"Ele [Afonso] está bem-disposto de espírito e é um miúdo corajoso, muito corajoso. Não chora, quando leva as injecções, mas está, no entanto, em isolamento há já dez dias, no Instituto de Oncologia do Porto. Há efeitos secundários que lhe provocam alguma indisposição, resultante do problema. Contudo, e como já lhe afirmei, o Afonso é um rapaz muito corajoso", vincou André Couto.

Entretanto, já são mais de 14 mil as pessoas, de várias nacionalidades, que se tornaram fãs da página de Afonso Couto no Facebook ("Ajudar o Afonso"). Um sinal, claro, de que o dilema que esta criança vive não é indiferente à generalidade dos cidadãos, espalhados pelo mundo, que fazem questão de se juntar a esta causa.

Garante, quem lida de muito perto com Afonso Couto, cujas semelhanças com o pai, André Couto, são evidentes, que este jovem é uma criança "divertida, bem-disposta e muito corajosa".

Tal como muitas crianças com a sua idade, Afonso gosta de futebol e torce... pelo Benfica. Nuno Gomes, avançado, capitão dos encarnados e da selecção nacional portuguesa, é o futebolista que Afonso Couto mais aprecia no clube da Luz. E, como não poderia deixar de ser, um dos ídolos do rapaz é, além do pai, Cristiano Ronaldo, extremo internacional português do Real Madrid, de Espanha.

Durante a última corrida do World Touring Car Championship (Campeonato do Mundo de Carros de Turismo), realizada no circuito de Macau, em Novembro passado, André Couto marcou presença e fez questão de exibir, no carro que conduziu (Seat), uma tarja em que expressava todo o seu carinho pelo filho, na qual procurava motivá-lo e dar-lhe força. "May the force be with you!" Por outras palavras, "que a força esteja contigo!".

André Couto, de 33 anos, é natural de Lisboa, onde nasceu no dia 14 de Dezembro de 1976, e um piloto com nacionalidade portuguesa que em 1981 foi viver para Macau. Na época passada competiu no campeonato japonês Super Grande Turismo (GT).

In 'DN'

CHINESES NÃO DÃO MAIS DINHEIRO PARA BEJA

> Três anos após o lançamento da primeira pedra, a construção do aeroporto de Beja, que está atrasada mas «praticamente concluída», deverá terminar «em breve», mas não se sabe quando a infra-estrutura aeronáutica começa a operar.

O que se sabe é que os chineses não dão mais dinheiro por baixo da mesa...

CARMINDICES


Carmindo Mascarenhas Bordalo*




VIVÓ TACHO!

> Um assessor de Durão Barroso na Comissão Europeia veio defender ontem, no Diário Económico, a profissionalização da política (http://economico.sapo.pt/noticias/politicos-profissionais_79617.html).
Para ele, é inevitável numa democracia madura que os políticos o sejam a título profissional, fazendo da política carreira.
Um professor universitário com provas dadas não pode querer entrar na política depois do (necessariamente algum ...) tempo necessário para consolidar o seu nome como tal.
O mesmo se aplicará, certamente, a economistas, advogados, docentes do ensino básico e secundário, empresários, investigadores científicos...
A lógica do assessor João Marques de Almeida é implacável: quem sabe ganhar a vida através do seu saber e da sua competência num dado ramo não será bom político. A política seria monopólio de uma classe própria, a isso dedicada exclusivamente.
Mas pergunta-se: será essa uma perspectiva séria e, já agora, "democrática"?
Preferir os bafejados pelos mandarinatos e capelas de amigos instaladas na política, dependentes dos humores, preferências e conjunturas das estruturas partidárias em detrimento de quem tem uma vida para além desse circuito, será um caminho para uma melhoria da classe política?
Um político poderá ter um mínimo de consciência e de independência de espírito se é o mesmo círculo vicioso em que se move que lhe mata a fome?
Para demonstrar a sua tese, o assessor barrosista dá o exemplo de Salazar, que se teria fingido de anti-político mas não teria feito mais nada a não ser política.
O raciocínio cai por terra: Salazar, até aos 39 anos, conciliou sempre a intervenção política com a sua unanimente reconhecida carreira de docente universitário.
Muitas das críticas que lhe têm sido feitas até recaem sobre a fase em que ele, após a 2ª Guerra Mundial, não regressou à sua vida profissional. Portanto, o Salazar que vivia apenas da política e não o que também era lente em Coimbra.
Os meninos das jotas que não saem dos corredores da política algumas vezes foram os condutores de um País? Creio bem que não.
Peter Walker (actual Barão Walker of Worcester), político conservador britânico (da ala esquerda dos tories) dizia ao futuro deputado Anthony Beaumont-Dark (membro da facção mais à direita): "make enough money to be independent before you become an MP". Ambos sempre pensaram pela sua cabeça.
E, nem de propósito, ainda este Sábado, Santana Lopes alertava para a necessidade de o seu partido se libertar de lógicas aparelhísticas e acrescentava: "não é verdade que ninguém deveria ser deputado sem ter já, pelo menos, cinco anos de actividade profissional? Eu fui deputado muito novo e vários outros também… Mas os tempos eram outros, de combates políticos intensos em época pós-revolucionária. Hoje em dia não faz qualquer sentido".
Infelizmente, em Portugal os partidos têm medo de gente com qualidade e independência que possa dizer que não. Bons são os que são comprados com uns tachitos (por exemplo, de assessor), pois deles necessitam para serem alguém.
Já o Padre António Vieira falava dos amenistas, os que dizem ámen a tudo...


*Professor Catedrático Jubilado, cronista residente

O SEXTO SENTIDO




Catarina Price*








Lamento sonoro que me acorda noite a meio
Uma porta bate em fúria
Um grito exprime o cansaço da vida
estou farta, quero morrer!”
Tapo a cabeça. Não quero ouvir.
Chora a criança, em t
error, acordada
Pés batem com força, fuga em desespero
Abre-se o estore, uma janela de vidro bate de impulso e oiço os estilhaços no chão
Oxalá estejam calçados, lembro-me de desejar
O choro da criança insiste, a criança insiste no choro
Na esperança de os fazer parar.
Estou farta, quero morrer! Grita a voz esganiçada de raiva e de dor
Uma chave roda a fechadura, abre-se a porta para a rua
Os gritos sobem de tom
As palavras perceptíveis
traição apanhada, mentira escondida, vida arruinada
Dou-me, de repente, conta que deixei de ouvir a criança
Prudente, desistiu.

*Cronista residente

VEM AÍ O TIGRE (7)


> Serpente é o signo que se segue no Zodíaco chinês. Nascidos em 1941; 1953; 1965; 1977; 1989 e 2001. A Serpente é sábia, séria, vaidosa, apaixonada e boa ganhadora de dinheiro. É compatível com o Búfalo e Galo, mas detesta o Porco.
Os nascidos em Serpente vão estar dominados neste ano do Tigre por duas influências fundamentais. Uma das vertentes é a que deriva de uma relação conflituosa entre os signos da Serpente e do Tigre. O ambiente gerado, que inclui desconfianças, discussões e muita intriga, pode acabar por não se traduzir em nada de muito concreto e relevante. Ou seja, poderá haver muita discussão e acusações verbais mas não chegará à ruptura, tipo Sá Pinto-Liedson.
Mesmo assim, os nativos da Serpente só têm a ganhar se baixarem as suas expectativas para este ano. Quando tentam levar à prática os seus planos, o ambiente perturbado não permite que as coisas decorram com fluência. Consequentemente, quanto mais devagar e menos expectativas, melhor.
A outra vertente do ano tem uma tónica bem mais positiva. Tem a ver com a Lua. Esta promete a ajuda vinda de outras pessoas, em especial as do sexo feminino.
A chave para o sucesso será sobretudo de natureza psicológica. Tudo o que lhes permita serenar e ver as situações como elas são objectivamente e não à luz das emoções, poderá operar milagres.