quinta-feira, julho 22, 2010

FALTA DE SENSO


> Em conversa com um engenheiro amigo veio à baila o problema das SCUT e das auto-estradas. E não é que ele chamou a atenção que o pior ainda está para vir. Na verdade, a falta de senso dos políticos que geriram o país nas últimas duas décadas provocou um descalabro total nas contas públicas. No que diz respeito às auto-estradas cometeram-se crimes de lesa pátria onde o planeamento foi rectilíneo, possivelmente porque se tratavam de mentalidades rectilíneas..., ao ponto de se ter edificado viadutos com uma altura de 300 metros e com um custo inadmissível.
O leitor já se imaginou a conduzir o seu BMW, Audi, Mercedes, Volvo ou Porsche a 120, 150 ou a 200/hora, como diariamente acontece, e de repente um buraco na estrada atira-o para o despiste e possivelmente para a morte? Como? Ah pois! É que a manutenção das auto-estradas vai acabar porque são necessárias centenas de milhões de euros. Então, ninguém pensou que a manutenção dos pisos seria o factor primordial para a existência das vias? Ah pois...

1 comentário:

Kruzes Kanhoto disse...

Ainda bem que conduzo um Renault...