terça-feira, maio 04, 2010

BONS NEGÓCIOS ENTRE SÓCRATES E CHÁVEZ

> Os negócios que Sócrates prometeu às empresas portuguesas foram um descalabro. Como este: Venezuela devolve 10 mil toneladas de soja sem pagar.

1 comentário:

BL disse...

O Sócrates procura estabelecer estes acordos com outros governos com o intuito de ajudar, dentro do possivel, as empresas portuguesas nas exportações. Acho muito bem que o faça, e felizmente tem dado resultados com muitos países especialmente do Norte de Africa e de lingua oficial Portuguesa (Angola em destaque).

Mas claro que nada disto é garantido, e nem todos os acordos correm bem, como tudo na vida.

Mas caramba, que culpa é que o homem tem que uma empresa Venezuelana (das muitas que têm negócios com Portugal), que está atolada em suspeitas e processos por corrupção não tenha cumprido a sua parte do contrato de compra de oleo de soja???

Credo, qualquer dia até o rebentamento do vulcão na Islândia é culpa do Sócrates.

Bem sei que as pessoas não gostam do homem, mas à vezes um pouco mais de justiça, imparcialidade e rigor não ficava nada mal...