quinta-feira, fevereiro 11, 2010

DITADURA (1)

> Oficiais de justiça estão nas instalações do 'Sol' para entregarem uma providência cautelar que visa impedir a publicação de dados que envolvam escutas do caso "Face Oculta".

Dois oficiais de justiça estão à porta do semanário Sol para entregarem uma providência cautelar que visa impedir a publicação de mais notícias que envolvam as escutas do caso "Face Oculta".

Segundo revelou uma fonte do semanário à agência Lusa,a providência cautelar destina-se ao director, José António Saraiva, e a duas jornalistas, Felícia Cabrita e Ana Paula Azevedo.

A restante direcção do 'Sol' está reunida para decidir o que fazer face a esta situação.

É importante criar um Movimento de apoio à liberdade de informação. O Movimento deve ter início em frente às instalações do 'Sol' com uma manifestação de apoio.

Sem comentários: