sábado, fevereiro 20, 2010

ALEGRE DESASTRE

> Manuel Alegre deitou tudo a perder. Está arrumado e deixou de ter qualquer oportunidade de ser eleito Presidente da República. Alegre enveredou pela pior táctica ao atirar-se em força contra os ditos soaristas e em termos menos próprios. Ontem em Coimbra, optou pela afronta total a Mário Soares e ao outro candidato a Presidente da República, Fernando Nobre.
Ao criticar os que, segundo o poeta, querem dividir a esquerda, ele próprio ao falar em "ajuste de contas" por trás da candidatura de Fernando Nobre, acaba por provocar uma repulsa a todos os eleitores indecisos.
Ninguém gosta de ver o começo de um jogo de futebol logo com porrada...

2 comentários:

Anónimo disse...

O Manel de Argel?

Só o facto de existir a candidatura, já é a negação total de qualquer légica desta política lusa.

a.marques disse...

Alegre apenas mostra quem é a quem não o conhece bem. Em desespero.