quarta-feira, janeiro 20, 2010

PEDRO NUNES CHEIO DE RAZÃO

> O bastonário da Ordem dos Médicos veio alertar para a "degradação" que representa o funcionamento de certas empresas que estão a fornecer médicos para os hospitais tal e qual como se de uma empresa de empregados de limpeza se tratasse. O método é o mesmo, a contratação dos médicos desenvolve-se sem qualquer rigor, contratados na Polónia ou na Moldávia pouco interessa, porque as empresas nem estudam os currículos. Tem havido casos em que as empresas de fornecimento de médicos, colocam um clínico na urgência de um hospital, este falta e não substituem o faltoso.
O bastonário Pedro Nunes tem razão e é urgente acabar com esta situação vergonhosa e começar a separar o trigo do joio.

Sem comentários: