quinta-feira, janeiro 14, 2010

MAIS IMPOSTOS E MAIS DESEMPREGO

> O discurso do governo de José Sócrates está a mudar. A fanfarronice deu lugar a uma certa humildade. Do super investimento público está a optar pelo que for possível. Tudo porque as finanças do país começam a ficar de rastos. O Presidente Cavaco Silva apelou aos partidos um entendimento para o Orçamento do Estado. As reuniões entre o Governo e o PSd e CDS já começaram.
O ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, admitiu esta noite que os impostos podem aumentar se a oposição no Parlamento começar a entravar as propostas orçamentais do Governo. O mesmo Governo que prevê um crescimento económico muito tímido em 2010, abaixo de um por cento, um crescimento do desemprego e uma inflação próxima de um por cento, depois de ter registado valores negativos em 2009.

Sem comentários: